sexta-feira, julho 22, 2016

2016/2017- Um Primeiro Olhar

Ainda não vi jogar o Vitória na sua versão 2016/2017 pelo que apesar do que li e ouvi não posso pronunciar-me sobre o valor da equipa em construção e o nível exibicional patenteado até agora.
Nem acho que a três semanas do inicio do campeonato seja de exigir que a equipa já esteja "pronta" porque nesta fase o importante é os jogadores assimilarem as ideias do novo treinador, integrarem os reforços, criarem um espirito de grupo forte e, naturalmente, irem aperfeiçoando os processos de jogo.
A 14 de Agosto, e ainda por cima com um derbi a abrir, é que se espera que a equipa esteja a um nível já bastante competitivo para entrar no campeonato da melhor forma.
A ideia deste texto é , pois, olhar o plantel da equipa A e tentar perceber o que tem e o que lhe falta.
Não esquecendo que o mercado fecha apenas a 31 de Agosto e até lá é natural, e desejável, que ainda entrem jogadores sendo igualmente de desejar que não saia nenhum daqueles que "não pode" sair sob pena de fragilizar aspirações.
Posição a posição partindo do principio de que não sairão os tais que "não podem "sair.
Na baliza creio que estamos muito bem. João Miguel e Douglas dão todas as garantias e o terceiro guarda redes,Georgemy (que não conheço) provavelmente andará entre a A e a B.
Nas laterais muito bem do lado direito com Bruno Gaspar e João Aurélio (que até pode jogar mais adiantado caso necessário) e bem do lado esquerdo com Ruben Ferreira e os jovens Konan e Marcílio. Aqui acho que "cabia" Luís Rocha mas é assunto ultrapassado.
No centro da defesa temos Josué, Moreno, João Afonso,Pedro Henrique,Marcos Valente e Dénis Duarte. Parecem muitos mas acho que ainda "cabe" um central experiente porque Moreno é cada vez mais importante no balneário e menos no relvado e não se sabe a "resposta" de Marcos Valente e Denis Duarte à exigência da primeira liga.
No meio campo há mais interrogações.
Vieram Rafael Miranda cujo valor se conhece e Zungu e Mbemba totalmente desconhecidos, continuam Tozé e Phete que pouco jogaram a época passada e João Pedro(em quem acredito muito) vai ter o seu ano do "sim ou sopas" depois de quatro épocas na equipa B com esporádicas aparições na A.
Parece-me que este sector, que perdeu Cafu, Otávio, Saré, é aquele que precisa de mais cuidados,ou seja, reforços. No mínimo um "10" que comande o jogo e um "8", jogadores feitos e com experiência que possam ser alternativas imediatas. Mas não sei se não seria de pensar também num trinco.
Na frente para o lugar de pontas de lança temos Soares, Valente, Areias e Marega.
Creio que são suficientes especialmente se a aposta em Areias for consistente e se a Valente for permitido jogar no "seu" lugar" de segundo avançado.
Nos flancos há alguma quantidade/qualidade.
Vigário (outro que merece uma aposta consistente), Alex (esperemos que definitivamente recuperado), Alexandre Silva, Hurtado (que regressa depois de meia época em que não se deu por ele) e os jovens Tyler Boyd e Rafinha que também eles andarão entre A e B.
Creio que mais um extremo experiente,como Licá por exemplo, terá espaço na equipa.
Em suma, e a não sair ninguém insisto, creio que o Vitória precisa de quatro reforços.
Um central, um "8", um "10" e um extremo.
Mas é no meio campo que deve incidir a maior preocupação dos responsáveis.
A ver vamos...
Depois Falamos.

3 comentários:

Rui Salgado disse...

A defesa parece me questão (bem) arrumada para esta temporada. Acho que temos bastantes e válidas opções e que penso terão de dar tudo nos treinos e nos jogos para merecer a confiança do nosso novo treinador.
O meio campo é razão para nos preocuparmos, quer em função da qualidade das saídas quer em função das entradas ou falta delas porque me parece ainda um meio campo demasiado curto em qualidade para colocar o vitória no seu devido lugar.
Estou também preocupado com o nosso ataque. O licá é bem regressado mas em relação ao resto parece me que ainda há muito a fazer e a direcção deve actuar rapidamente para permitir ao Pedro Martins uma preparação para a nova época o mais adequada possível. Precisamos de mais e melhor. A ver vamos se teremos. Para bem do Vitória (e do Pedro Martins que me inspira confiança para a nova época) espero que sim.

Anónimo disse...

Faltam 2 reforços no meio campo e a confirmação do Licá. Creio que com a frente de ataque conhecida é de esperar 4-4-2. Marega e Soares na frente. Rafael Miranda no meio à espera de companhia, Alex (ou João Aurélio) e Vigário nas alas. Defesa com Douglas, Josué, Pedro Henrique, Bruno Gaspar e Ruben.
E venha de lá o Marraquexe para enxertar a broa.

luis cirilo disse...

Caro Rui Salgado:
O meio campo é realmente o sector que precisa de mais retoques. Porque me parece algo desguarnecido em termos de alternativas a João Pedro, Tozé, Rafael Miranda e Phete. Creio que mais dois jogadores "feitos" cabem lá.
Para a frente Licá ou equivalente e o assunto fica resolvido.
Caro Anónimo:
É mais ou menos isso.
Embora do meu ponto de vista João Miguel Silva deva ser o titular e na frente é preciso apostar em Areias de forma continuada.
Pedro Martins saberá melhor que ninguém as "linhas com que se cose" mas neste momento apostaria num "onze" dentro disto: João Miguel-Bruno Gaspar-Josué-Pedro Henrique-Ruben Ferreira- Rafael Miranda-João Pedro-Alex- Marega- Areias-Soares.