segunda-feira, abril 30, 2007

A Mega Trapalhada


A trapalhada armada por Marques Mendes e secundada por Paula Teixeira da Cruz,na câmara de Lisboa,ameaça desembocar num verdadeiro drama para o PSD.
Tudo começou quando Marques Mendes inventou a tese de que autarca arguido deve suspender de imediato o seu mandato.
Tese contrária aliás ao espirito da lei e gravemente penelizadora para os autarcas expostos no "pelourinho" da opinião pública (e publicada) como potenciais delinquentes sempre com a espada de Damocles suspensa sobre as suas cabeças.
Claro que tal tese só podia vir de quem não é autarca e portanto não corre o minimo risco de,no emaranhado legal que hoje rege a vida das autarquias,vir a ter um percalço desse género.
Ao preço de expôr os autarcas arguidos a um mundo de suspeições e á condenação pela opinião pública antes de o virem a ser,eventualmente,nos tribunais,Mendes fez um "bonito" para os comentadores politicamente correctos dos fins de semana mas prestou um péssimo serviço ao Poder Local.
A seguir vetou a recandidatura de Pedro Santana Lopes a Lisboa.
E não é despiciendo recordar que PSL tinha ganho Lisboa contra o poder instalado (João Soares) numa coligação PS/PCP,contando com a candidatura de Paulo Portas á sua direita e com um Bloco de Esquerda em crescendo e que viria a eleger um vereador.
Pois a PSL foi recusado o elementar direito que lhe assistia de defender a Câmara que tinha conquistado.
Depoisa de ter sido primeiro ministro em circunstancias dificeis e de ter permitido que Marques Mendes fosse cabeça de lista em Aveiro mesmo sabendo de todas as criticas que este lhe tinha feito.
Foi um veto vergonhoso !
Escolheu Carmona,deu assentimento á equipa e calou-se perante a agência de empregos em que a Câmara se tornou.
De apoiantes da solução encontrada e de quem esteve na sua génese presume-se.
Depois,quando a situação começou a descambar,com outro veto vergonhoso á nomeação de Pedro Portugal Garpar para a SRU do Chiado,que teve origem como se sabe na direcção do partido e em mais ninguém,Mendes sacudiu a água do capote dizendo que não interferia na vida e nas decisões da autarquia.
Pela boca morre o peixe.
Recordemos:
Paula Teixeira da Cruz,com a benção de Marques Mendes,"comprou" uma guerra disparatada com Maria Jose Nogueira Pinto que levou Carmona e o PSD a perderem a maioria na Câmara sem qualquer vantagem,ainda que moral,para a gestão do municipio e para a estabilidade da maioria que o governava.
A seguir aquando da constituição de Gabriela Seara como arguida,e toda a gente percebeu desde logo que dificilmente Carmona escaparia ao mesmo destino,contentou-se com uma solução parcial exigindo a suspensão de mandato da vereadora e assobiando para o ar quanto ao restante problema que se adivinhava.
O zénite foi contudo atingido com o caso Fontão de Carvalho.
Numa acção destinada a mostrar quem mandava,e piscando uma vez mais o olho aos comentários elogiosos de fim de semana,resolve "humilhar" Carmona Rodrigues chamando-o á sede nacional,no meio de grande aparato mediático,para lhe trasnmitir instruções quanto ás atitudes a tomar.
Esquecendo a teoria que ele próprio veiculara no caso da SRU do Chiado.
E agora,quando o próprio Carmona é constituido arguido,admira-se por ele não lhe atender o telefone.
Na primeira quem quer cai...
Conclusão para tudo isto ?
Uma de três.
Ou Carmona é constituido arguido,não suspende mandato,e vamos assistir ao penoso processo de desagregação da Câmara de Lisboa com vereadores do PSD (partindo-se do principio que obedecerão a Marques Mendes) a demitirem-se uns atrás dos outros até a Câmara cair.
Ou Carmona suspende mandato e avança a terceira da lista,Marina Ferreira,para a presidência mas ai Marques Mendes vai ter de explicar muito bem porque razão defendeu que Santana Lopes não tinha legitimidade para suceder a Durão Barroso,como primeiro ministro,sem eleições e agora defende o contrário.
Sendo certo que ninguém compreenderá uma solução que mais não é do que um agarrar ao poder de qualquer forma.
Ou então,de Marques Mendes a Paula Teixeira da Cruz passando por Carmona,chega uma aragem de bom senso e provocam eleições antecipadas.
Em qualquer dos cenários,e não me parece provável que existam outros,o PSD fica numa posição de grande fragilidade perante os lisboetas e perante o país.
Por responsabilidade primeira de Marques Mendes e ajuda notória de Paula Teixeira da Cruz.
O que significa que em cenário,provável,de eleições antecipadas Marques Mendes tem a obrigação de ser candidato a presidente da Câmara de Lisboa.
Sob pena de ,um destes dias num qualquer debate,Sócrates lhe devolver as acusações feitas por Mendes em conferência de imprensa e não repetidas no ultimo debate mensal no Parlamento.
Ao contrário,aliás,do que seria legitimo esperar.
Porque esta história de proclamar-se vitorioso em eleições autárquicas,quando nem a uma Assembleia Municipal concorreu,á custa das vitórias de Fernando Seara em Sintra,Luis Filipe Menezes em Gaia,Rui Rio no Porto,Carlos Encarnação em Coimbra,Mata Cáceres em Portalegre,Moita Flores em Santarém,Élio Maia em Aveiro,Fernando Ruas em Viseu,Jorge Nunes em Bragança,Luis Gomes em V.R.S.António,Fernando Reis em Barcelos,Armindo Costa em Famalicão,Manuel Frexes no Fundão,Joao Batista em Chaves,Hernani Almeida em Armamar,Ministro dos Santos em Mafra,Joao Mourato na Meda,Manuel Martins em Vila Real,Francisco Araujo em Arcos de Valdevez,Telmo Faria em Óbidos,Domingos Dias em V.P.de Aguiar,António Sebastião em Almodovar,Francisco Alvares em Povoação , Miguel Albuquerque no Funchal e tantos tantos outros foi chão que já deu uvas.
Agora é preciso dar o exemplo.
Dar a cara,ir á luta e aceitar a vontade do povo.
É o que se espera de um lider,que nos momentos dificeis seja o primeiro a avançar para o combate.
Depois Falamos

sexta-feira, abril 27, 2007

Fascistas ? Anti fascistas ?


Quarta feira,em Lisboa,um grupo de "heroicos" antifascistas a caminho da sede do PNR que pretendiam democraticamente assaltar envolveu-se em confrontos com a policia.
Armados de cocktail molotov,barras de ferro,pedras e paus (tudo instrumentos dignos do mais rematado pacifista),vandalizaram paredes com graffitis,lojas com o arremessso de objectos e agrediram pacatos cidadãos que tiveram o azar de se cruzarem com tão valorosos defensores da liberdade,da paz e do anti fascismo.
Resultado ?
Ficaram feridos 5 policias,2 manifestantes(enfim neste caso foi pena não serem mais...) e efectuaram-se onze detenções.
Tudo em nome da liberdade como é evidente.
E do antifascismo é claro.
Cereja em cima do bolo,o inefável Falcão do SOS Racismo,que medindo a palermice dos outros pela dele próprio veio acusar a policia de provocações,não tendo uma palavra de censura para os desordeiros.
E os pobres antifascistas é que,seguramente por acaso,foram manifestar-se encapuçados,levando barras de ferro e uns cocktail molotov não fosse a tarde estar fria...
Para além da confessada intenção de assaltarem uma sede partidária.
Claro que para os Falcões e afins,sendo que o conceito de afins é mais vasto do que parece,crime seria os militantes do PNR assaltarem uma sede de uma força de esquerda.
O contrário é em nome da liberdade como é sabido !
Entre fascistas e antifascistas destes venha o diabo e escolha...
Depois Falamos

quarta-feira, abril 25, 2007

25 de Abril


Esta postagem é dedicada a todos aqueles a que, 33 anos depois do 25 de Abril ,ainda falta coragem para assinarem o que escrevem.
Mas sobra cobardia para mentirem,caluniarem e insultarem.
Coitados...
Depois Falamos

Foto


PELICANO
FLORIDA
U.S.A
Foto:National Geographic

É cada uma...



Esta história é de hoje e é fantástica.
Um amigo meu,em casa gozando pacatamente o feriado do 25 de Abril,viu dois militares da G.N.R baterem-lhe á porta a meio da manha.
Naturalmente surpreendido ,e bastante intrigado,indagou ao que vinham.
Educadamente responderam-lhe que estavam ali a mando da D.G.V. (Direcção Geral de Viação) para lhe apreenderem a carta de condução devido a uma infracção cometida mais de uma ano atrás e de que já tinha pago,voluntáriamente,a correspondente multa.
Naturalmente não ponho minimamente em causa a acção dos dois militares que se limitaram a cumprir ordens.
Agora perpassa fortemente a sensação de que neste país começa a existir muita loucura á solta.
Sempre foi pratica das direcções de viação, em casos similares, enviarem uma carta registada com aviso de recepção ao infractor concedendo-lhe um prazo de quinze dias para entregar a sua carta de condução na GNR,PSP ou DGV mais proxima.
Agora enviar dois militares,num feriado (nem que não fosse) a casa de um cidadão por causa de um mero acto administrativo é completamente inaceitável a todos os titulos.
Pelo lado do cidadão que sem nada ter feito para merecer tal "distinção" vê aparecerem-lhe forças de segurança á porta de casa como se de um vulgar criminoso se tratasse.
Pelo lados dos próprios militares envolvidos ,no cumprimento de ordens,em acções que não são seguramente aquelas que os levaram a seguir carreira militar.
Para a própria GNR que terá seguramente coisas muito mais importantes para fazer do que o acima narrado.
Se a moda pega,e atendendo á "fúria" com que o actual governo fomenta a caça á multa,não vai haver GNR que chegue para ir a casa de todos aqueles que ultrapassam os fatidicos 120 klm/h nas autoestradas deste país.
Francamente...
Depois Falamos

sábado, abril 21, 2007

sexta-feira, abril 20, 2007

Eles lá sabem...


o PS comemorou,na FIL,com um enorme jantar os 34 anos do partido.
É uma data com enorme significado,como se sabe,equivalente
ao festejo dos 25,50,75,100 anos e por aí fora.
Os socialistas portugueses,originais em tudo (até no entendimento de socialismo)dão especial significado aos 34 anos...
Seguramente por alguma razão Independente das datas tradicionalmente celebradas.
Eles lá sabem ...
Nos discursos saliência para o reaparecido Mário Soares,nada dado a exageros como é sabido, que além das diatribes habituais contra a direita,e de se manifestar também ele Independente em relação aos orgãos dirigentes do partido,lá foi dizendo que a campanha contra Sócrates fazia lembrar a campanha contra Ferro Rodrigues.
Ele lá sabe...
Terminou o secretário geral do PS,também primeiro ministro mas como se sabe uma função é Independente da outra,afirmando que o PS se rege por valores (mal era também...) e salientando a superioridade(nao percebi bem o que quis dizer com este valor),a elevação,a decência,o respeito pelo adversário politico e a lealdade no combate politico.
Podia ter citado,mas não citou,a verdade,a igualdade,o rigor ou a transparência !
Ele lá sabe...
Depois Falamos

quinta-feira, abril 19, 2007

Ai Sócrates,Sócrates...

Esta imagem que circula na Net,decalcada do já célebre cartaz do PNR,para além da piada que tem ,simboliza uma realidade.
A de que o caso José Sócrates/Universidade Independente não acabou,as pessoas não estão convencidas da bondade do processo e a opinião pública sente-se enganada.
É evidente que o país tem de seguir em frente,os partidos politicos tem de se preocupar com outros problemas bem mais graves para Portugal,os lideres da oposição tem de orientar os seus discursos para outras preocupações.
O que me parece certo é que a comunicação social vai continuar a investigar,os portugueses continuarão receptivos a noticias sobre o caso e tudo isto continuará a ser uma mancha no curriculum de Sócrates e uma nuvem sobre o seu futuro.
Em bom rigor...merece.
Pôs-se a jeito !
Depois Falamos

América

Sou um pró americano convicto.
Da América de Lincoln,Washington,Roosevelt,Kennedy e Reagan.
De Babe Rute,Joe di Maggio,Andre Agassi,Wilt Chamberlain,Michael Jordan,John Mc Enroe,Pete Sampras,Mohamed Ali ou Lance Armstrong.
De Jess Owens e Carl Lewis.
Da América de Ophrah Winney e Larry King.
De Louis Armstrong,Tina Turner,Frank Sinatra ou Whitney Houston.
Da América de Steven Spielberg,John Ford,Clark Gable,Kathrerine Hepburn,Meryl Streep,Dustin Hoffman e Robert de Niro.
Do Disneyworld,Empire State Building e Mc Donalds.
De Mark Twain,Irving Wallace ou Pearl S Buck.
De Martin Luther King Jr e George S. Patton
Da América das auto estradas,dos poços de petróleo do Texas ou do parque natural de Yosemite.
Das Montanhas Rochosas e da Golden Gate,de Manhattan e das colinas de S.Francisco.
Da Microsoft e da Nasa,da Ford e do centro espacial Kennedy na Florida.
Da América da CNN,do New York Times e da Life.
Da América que levou o homem á Lua e sempre viveu em democracia e liberdade.
Da América que em duas guerras mundiais salvou o mundo da tirania.
Do país que com todos os seus erros,defeitos,imperfeições e especificidades continua a ser o maior factor de esperança para a evolução da humanidade.
Eu gosto da América.
E apetece-me afirmá-lo quando de lá chegam,mais uma vez,noticias horriveis de um massacre numa universidade.
É o preço a pagar pela "american way of life".
"God Bless América".
Depois Falamos

Monumentos do Mundo


PALACIO NACIONAL DE MAFRA

domingo, abril 15, 2007

Abutres,Cucos e Papagaios


O ministro dos assuntos parlamentares,Augusto Santos Silva,não tem grande queda para produzir afirmações que primem pela sensatez e pela razoabilidade.
Com aquele ar de "santinho" ,que não faz mal a uma mosca,lá vai deixando cair,aqui e ali,discursos de mau gosto,criticas desajustadas,afirmações indignas de quem pertence a um governo de Portugal.
Foi o caso de ontem,ao comentar as criticas de Marques Mendes á entrevista televisiva de Sócrates.
Eu também não gostei da forma,do conteúdo e do timing.
Muito menos das insinuações quanto ao carácter.
Não é por ai o caminho pelo qual a oposição se afirmará.
Mas Marques Mendes,embora levando-o ao limite,não saiu do estrito limite do confronto politico.
É totalmente inaceitável que um ministro (porque embora falando como dirigente partidário não deixou de ser ministro) se refira lider do maior partido da oposição como um "abutre á espera de um cadáver".
E logo a seguir considerando que "o abutre se transformou em cuco".
Esta linguagem desqualifica a politica,os politicos e atinge a imagem daquilo que devia ser,e no caso não é,um membro do governo.
Esperemos que o ministro rectifique a linguagem ,em futuras intervenções,sob pena de vir a ser considerado como ..um papagaio que repete discursos que a outros não é conveniente fazer.
Depois Falamos

Foto


OCEANO GLACIAL ÁRTICO
TERRITÓRIOS DO NORDESTE
CANADÁ
Foto:National Geographic

Essa é boa !


O futebol profissional,em Portugal,é uma brincadeira de mau gosto e a L.F.P.F. tem grandes responsabilidades na matéria.
Dando de barato que o principal problema é a falta de qualidade dos dirigentes desportivos,seja nos clubes,na Liga ou na Federação, e que o resto vem por acréscimo (organização dos campeonatos,preço dos bilhetes,condições de muitos estádios,péssimos árbitros,falta de qualidade no jogo jogado,regulamentos anedóticos,etc,etc)a verdade é que este pobre "sistema" ás veze ainda consegue superar-se a si próprio na imaginação.
Exemplo claro disso é o Trofense-Vitória do próximo dia 22.
O clube da Trofa tem um pequeno estádio e o Vitória leva consigo milhares de adeptos,vai daí a direcção do Trofense resolveu,sensatamente,transferir o jogo para o estádio do Varzim de muito maior lotação.
Assim se serviam os interesses de todos os envolvidos.
Trofense que faria a maior receita da época,Vitória que poderia ter consigo milhares de adeptos e o próprio futebol que precisa de estádios cheios,de gente a assistir aos espectáculos e alterar radicalmente o seu pobre panorama actual.
E o que acontece ?
A liga começa por autorizar,chega a divulgar a alteração do local do jogo e depois dá o dito por não dito e recusa a alteração.
Com o espantoso argumento que Feirense e Leixões não concordaram.
Vamos por partes: Sobre o Feirense, e os sujeitos sem palavra que o dirigem ,prefiro nem dizer nada.
Apenas desprezo.
Quanto ao Leixões,levado ao colo desde o inicio do campeonato, direi apenas que se está a pagar muito bem pago do "frete" que fez ao "sistema"com o recurso suspensivo á decisão de mandar efectuar o Benfica-Gil Vicente da primeira jornada.
Sem esse recurso o jogo ter-se-ia efectuado e o caso "Mateus" teria tido consequências bem maiores.
Gostava era de saber se os regulamentos que há três anos permitiram levar para o estádio do Algarve um célebre Estoril-Benfica não são exactamente os mesmos á luz dos quais se impede agora a alteração do Trofense-Vitória.
Por que se são é prova definitiva de que há dois pesos e duas medidas,consoante os emblemas envolvidos,no futebol em Portugal.
É que os argumentos usados por Estoril e Trofense são exactamente os mesmos.
Pequena capacidade dos estádios e previsivel grande afluência de público.
As decisões é que são diferentes.
Depois Falamos

sexta-feira, abril 13, 2007

Apenas um sorriso...


Hoje é a minha vez.

Reproduzo,na integra,um post do Rodrigo Mello Gonçalves em http://cronicasalfacinhas@blogspot.com .

E naturalmente acompanho com um sorriso...

Depois Falamos


No post anterior, reproduzi um post do Luis Cirilo, a propósito do facto de Pedro Santana Lopes não constar da galeria de imagens permanentes, onde estão todos os outros ex-líderes do PSD. Não vou tecer mais considerações sobre este facto, acho que ele é bastante claro e fala por si.
Acontece que hoje, e na sequência de um comentário (anónimo para não variar) que deixaram no post anterior, resolvi voltar a espreitar o site do PSD.
E não é que Pedro Santana Lopes já aparece?!? Denunciada que foi a atitude estalinista de o apagar, em pelo menos 2 blogues (sinceramente não sei se outros pegaram no assunto) alguém no PSD rapidamente terá dado ordens para que se pusesse lá a fotografia que faltava. E foi tão à pressa que a fotografia aparece na última página, não seguindo a ordem alfabética como acontece com os outros ex-Presidentes.
Mas ao menos está lá! O bom senso prevaleceu.
Pela minha parte estou contente por ter contribuído para que isso acontecesse...

quinta-feira, abril 12, 2007

Ilusão de óptica ?


A primeira vez que o vi,ao longe,não percebi do que se tratava.

Verde ?

Será da Juve Leo,do PEV,do Greenpeace ou até do "Gato Fedorento ?

Depois vi o texto( "A meio caminho de lado nenhum") e pensei para com os meus botões que, fosse o que fosse, com aquela mensagem não ia...a lado nenhum !

Aproximei-me e,surpresa das surpresas,constatei que era do PSD.
PSD-A meio caminho de lado nenhum ?

Fiquei sensibilizado,apreciando a coragem,o espitiro de auto critica,a inovação de colocar um painel daqueles.

Confesso que até pensei que se calhar ,por vezes,sou um pouco exagerado e até injusto na critica á direcção do partido que agora tinha a frontalidade de vir a público assumir aquilo que muitos vem dizendo meses a esta parte.
Eis que reparo melhor e vejo,como nos contratos de seguros,as letras pequeninas:

" 2 Anos de governo Sócrates".

Ah,é o governo ? Também está bem.

Depois Falamos

terça-feira, abril 10, 2007

1ºAniversário


Um ano e 555 postagens depois, o "Depois Falamos" completa o seu primeiro aniversário.
É um jovem !
Mas é sempre tempo de deixar um singelo agradecimento a quem esteve na origem da sua criação,a quem dando opinião tem contribuido para o seu crescimento e a todos aqueles que, o lendo e não comentando, também são para mim importantes.
Chova ou faça sol,com bom ou mau tempo,nas tempestades e na bonança o caminho é para ser feito.
E como dizia na postagem de abertura,citando Churchill, "O caminho está onde está a vontade" !
Depois Falamos

2 anos Depois


Cumprem-se hoje dois anos sobre o congresso de Pombal que entronizou Marques Mendes como lider do PSD.
Foi o 27º congresso do partido.
Conhece-se a história do congresso,as histórias que o rodeiam,ainda não é pública toda a história porque há sempre mais qualquer coisa para contar.
Quem sabe um dia...
Importa é reflectir se hoje o PSD está mais forte,é uma alternativa consistente ao PS,está unido e coeso e tem um lider no qual o partido se revê e acredita capaz de o levar de novo ás vitórias.
Ou se a sua organica interna é escorreita,trasnparente e funcional,se os estatutos e regulamentos se adaptam aos tempos em que vivemos e á necessidade de oferecer a Portugal um partido aberto,atractivo,moderno e profundamente democrático.
A resposta a tudo isso,do meu ponto de vista,é-nos dada por uma simples equação que apreendemos na escola primária e que vamos aplicar ao número de ordem do congresso de Pombal.
Vinte e sete,noves fora...Nada !
Mas a luta continua.
Depois Falamos

Cheiros...


Este caso da licenciatura de José Sócrates já cheira mal !

Será que a pós graduação do nosso primeiro ministro,em engenharia sanitária,também não correu bem ?

Depois Falamos

O ministro Gago


Vejo na Sic Noticias o ministro Mariano Gago numa tentativa, canhestra e atabalhoada,de explicar o caso da licenciatura de José Sócrates.
Num esforço generoso de tirar as castanhas do lume ao chefe,lá vai dizendo que Socrates tem um percurso académico exemplar (sic a dobrar...),que foi um excelente aluno,que tirou um MBA,etc,etc.
Foi deprimente.
Mas sou justo.
Nunca um ministro terá feito tanto jus ao apelido.
Quarta feira a novela continua...
Desta vez com o actor principal desta novela tipo mexicano.
Depois Falamos

segunda-feira, abril 09, 2007

Acredito...porque vi !


Acreditem que é verdade !
Sou um frequentador habitual do site do PSD.
Hoje,9 de Abril ás 23.12h mais uma visita.
Acompanhem-me se fazem favôr:
Galeria Multimédia-Imagem-Imagens de alta definição-Imagens permanentes.
Lá estão,por odem alfabética,os antigos lideres.
Cavaco Silva,Durao Barroso,Emidio Guerreiro,Fernando Nogueira,Marcelo Rebelo de Sousa,Menéres Pimentel,Mota Pinto,Nuno Rodrigues dos Santos,Pinto Balsemão,Sousa Franco,Sá Carneiro e Rui Machete.
Grandes lideres,lideres de transição,lideres que deixaram marca,lideres de que ninguém se lembrará,grandes escolhas e alguns equivocos.
Estão lá todos.
Todos ?
Humm,parece-me que falta um.
Esse mesmo,Pedro Santana Lopes.
Foi apagado da galeria fotográfica de lideres.
Na melhor tradição estalinista de apagar das fotografias aqueles que não interessavam.
E se estes procedimentos se compreenderiam no Partido Comunista são totalmente inaceitáveis no PSD.
Podem achar que é uma questão menor.
Não é !
É muito mais grave do que parece.
Porque traduz uma realidade vingativa,persecutória,de gente disposta a tudo para afastar quem incomoda.
33 anos anos depois do 25 de Abril será que volta a ser necessário lutar pela liberdade e pela democracia ?
Desta vez dentro do PSD ?
Que tristeza...
Depois Falamos

Monumentos do Mundo


CASTELO DE ALMOUROL

Falta de Vergonha


Já aqui tenho manifestado a minha falta de gosto em ver o futebol que se joga em Portugal dentro,e fora,das quatro linhas.
Pela falta de qualidade do espectáculo mas também pela falta de verdade desportiva de que muitos desses jogos se revestem.
Hoje á noite caí no erro,admito,de ver o Beira Mar-SLB.
Entenda-se neste contexto SLB como Sacanices Lucilio Batista !
É um arbitro sem categoria,sem coragem,capaz das maiores "atrocidades" dentro do terreno de jogo.
Lembro-me a titulo de exemplo de um Sporting-Porto,ainda em Alvalade,em que escamoteou quatro claras grandes penalidades favoráveis aos dragões.
Pois hoje esteve a esse nivel.
O Benfica empata nos ultimos segundos com um penalty inventado sobre o habitual simulador,consegue a proeza de marcar um fora de jogo aos aveirenses com todos os seus jogadores dentro do seu meio campo e nos ultimos instantes deixa passar uma falta perigossissima á entrada da área do Benfica que podia dar golo ao Beira Mar.
No intervalo dessas "proezas" um critério disciplinar desiquilibradissimo a favôr do Benfica cujos jogadores puderam "bater" á vontade ao contrário dos adversários que foram carregados de amarelos,duzia e meia de faltas perto da area do Beira Mar,absoluta impunidade de Simão que não pode apanhar o 5º amarelo por nada deste mundo,enfim uma absoluta falta de vergonha.
E é assim que uma equipa banal chamada Benfica,levada ao colo pelos árbitros,pelo "sistema",por uma imprensa quase totalmente tendenciosa,beneficiando dos "apitos encarnados" e das jogadas de pressão de um sujeito ,sem educação nem boas maneiras ,chamado Luis Filipe Vieira,lá vai lutando pelo titulo.
E depois queixam-se de os estádios estarem vazios...
Que os encham os famosos seis milhões.
São os unicos que tem boas razões para irem ao futebol optimistas.
Porque os arbitros que apitam os jogos do Benfica são como os amigos: quando fazem falta...estão lá !
Depois Falamos

Sem comentários...


Mas com uma enorme gargalhada...
Depois Falamos
Foto: http://politicopata.blogspot.com

domingo, abril 08, 2007

As 7 Maravilhas


Concluido,com o lindo resultado que se conhece,o concurso os "Grandes Portugueses" prossegue em bom ritmo outra escolha que tem motivado a atenção dos portugueses.
A par de idêntico concurso a nivel internacional para escolher as 7 Maravilhas do Mundo,por cá vai-se votando para escolher as 7 Maravilhas de Portugal.
Como a ponte 25 de Abril (antiga Ponte Salazar...)não esta nos escolhidos não se corre, uma vez mais, o risco de a votação consagrar algo que provoca terriveis incómodos quer á esquerda caviar quer á tradicional esquerda...sabãode barra !
Por mim votei nos seguintes monumentos:


  1. Castelo de Guimarães
  2. Castelo de Almourol
  3. Castelo de Marvão
  4. Castelo de Óbidos
  5. Fortificações de Monsaraz
  6. Convento e Basilica de Mafra
  7. Mosteiro da Batalha.

Aliás já tinha votado nestes monumentos na primeira fase,quando entre 77 se pretendiam escolher os 21 finalistas.

E porquê estes e não outros ?

Pela sua monumentalidade,significado histórico,impacto visual e experiência de vida.

Sim experiência de vida.

A todos eles,e também a um ou outro que não seleccionei,me ligam memórias gratas de tempos passados,de visitas feitas e até,num ou noutro caso,de visitas que nunca chegaram a ser feitas pelo menos como deviam ter sido.

Memórias de monumentos mas também memórias de pessoas.

Como sempre acontece.

Memorias gratas,mesmo do convento de Mafra a quem o passar dos anos me fez valorizar o que a passagem por lá de bom teve e esquecer ...o resto !

7 Monumentos de uma imensa maravilha chamada Portugal.

Depois Falamos

sábado, abril 07, 2007

Trapalhadas



Falou-se,em tempos,das trapalhadas de Pedro Santana Lopes.

Com algum exagero,com alguma injustiça,mas sempre dentro daquele principio de que não há fumo sem fogo.

Pois as trapalhadas de José Sócrates á volta da sua licenciatura remetem as de Santana para as de um mero aprendiz !

São os diplomas que não conferem,os colegas que nao se lembram dele,as alteraçoes no site da PCM,os professores que não o viam na universidade,a certidão de habilitações passada num domingo,o professor que lhe fez as famosas quatro cadeiras e foi membro mal sucedido de governos do PS mas bem sucedido em consultorias a empresas na área do ambiente e respectivos negócios na...Covilhã,as condiçoes excepcionais em que fazia exames,o novo reitor e o esquecimento de colocar no c.v. que é funcionario da CGD,as contradições do ex reitor,o silêncio em que mergulhou e que tanto tem contribuido para o empolar do caso ,enfim tantas e tantas trapalhadas que noutro país já teriam dado mau resultado para o seu autor.

Já para não questionar a ética de sendo membro do governo se ter inscrito numa Universidade privada com tudo que isso significa de pressão,ainda que indirecta,sobre os professores e a própria instituição.

Agora surge o seu ex motorista,do tempo em que era secretário de estado do ambiente e frequentava a Independente,a disponibilizar-se para testemunhar que passou muitas noites á porta da Universidade esperando o aluno Sócrates.

Nem vou tecer considerações á volta de um membro do governo ainda ter tempo para frequentar a Universidade nas horas vagas.

Nem tão pouco sobre o curioso que seria cruzar a sua agenda oficial desses tempos com a data dos exames que fez na Universidade.

Podia dar mais trapalhada ainda...

Mas não deixo de considerar curioso um motorista do Estado á porta de uma Universidade,á noite,enquanto o aluno/cidadão ia ás aulas.

Depois Falamos

Olé Vitória Olé


Não tendo ido a Vila da Feira,até em função de um boicote vitoriano aos preços disparatados que a direcção do Feirense resolveu praticar,fui assistir ao jogo decisivo da meia final do nacional de voleibol entre Vitória e Benfica.
Pavilhão cheio,ambiente extraordinário,mais de dois mil vitorianos e seis benfiquistas (contei-os) a apoiarem as suas equipas.
Venceu o Vitória,óbviamente,por 3-0 e agora vai disputar a final do campeonato com o Sporting de Espinho a grande potência do voleibol nacional.
Alias repetindo a final da época transacta.
Quanto ao jogo de hoje dois aspectos me impressionaram: a forma como o público vitoriano leva a equipa ao colo e o mau perder do jogadores e técnicos do SLB.
Se o primeiro caso não me admirou embora me impressione sempre,o segundo francamente deixou-me algo estupefacto.
Realmente a arrogância e malcriadice do sr Luis Filipe Vieira parece estar a fazer escola no clube...
Quanto á final,e pese embora os prognósticos do meu amigo Leitão (que percebe de voleibol muito mais que eu)serem favoráveis ao Espinho,eu acredito no Vitória.
Espero,isso sim,que os jogos em Espinho sejam num recinto que permita que todos aqueles que o desejem possam assistir.
Até porque esse recinto existe.
Depois Falamos

Foto



YELLOWSTONE PARK

U.S.A

Foto: National Geographic

sexta-feira, abril 06, 2007

Experiência de Vida


Um velho amigo,de há muitos anos e seguramente dos melhores ,tem como máxima para algums situações da vida o "Nunca se deve voltar a um sitio onde se foi feliz a não ser que seja para se ser mais feliz".
Ao longo da vida recordo com alguma frequência esse principio.
E considero-o tão válido,oportuno e sensato,que procuro segui-lo com a maior frequência nas situações mais diversas,ao ponto de sempre que o não faço...acabo por me arrepender !
E a experiência de vida tem-me dado boas razões para assim proceder.
Seja uma experiência de anos,meses,semanas ou dias.
E é curioso o facto de raramente se conseguir ser mais feliz num sitio onde fomos felizes.
Talvez porque a felicidade acarreta uma sensação de plenitude que depois é dificil de ser ultrapassada ou sequer comparada.
Vem tudo isto também a propósito da deslocação do Vitória a Vila da Feira, no próximo sábado ,para um jogo de altissima importância para o objectivo da subida de divisão.
E sinceramente estou indeciso se vou ou não.
Pessimismo ?
Superstição ?
Receio ?
Nada disso.
Apenas experiência de vida !
Depois Falamos

quinta-feira, abril 05, 2007

Citação


"O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons."


Martin Luther King

O Terreno...


Pois é !
Tanto se tem falado da Ota,ao longo dos anos,e nunca houve o elementar interesse de um primeiro ministro ou de um lider da oposição em irem ao terreno ver a situação.
Bem andou a concelhia do PSD/Alenquer quando endereçou convites a um conjunto de personalidades do partido para irem visitar a zona envolvida no projecto do novo aeroporto.
Porque só no terreno,olhando para as condições naturais existentes,para a topografia,sentindo os ventos intensos e constatando a enorme mancha de agua (rio,ribeiros,lagoas paúles) se pode aferir ,de facto, a "monstruosidade" que é construir semelhante infraestrutura naquele local.
Só os movimentos de terras necessários são qualquer coisa de gigantesco.
E é no terreno,com os autarcas,ambientalistas e agentes politicos que é possivel consolidar opiniões,ganhar legitimidade para questionar aquilo que parece menos claro,conhecer em pormenor aquilo que está projectado e ter moral,e conhecimentos, para propôr alternativas consistentes e viáveis.
Isto com todo o respeito pelos confortáveis salões dos hoteis de Lisboa onde,seguramente,se fazem conferências muito interessantes sobre tudo e ...sobre nada.
Depois Falamos

terça-feira, abril 03, 2007

O reverso da medalha


Salazar e Cunhal,os dois maiores portugueses segundo o concurso da RTP,tão diferentes na aparência e tão semelhantes na essência.
Que me desculpem os politicamente correctos,aqueles para quem existem ditaduras boas e ditaduras más,mas os conceitos ideológicos,e de regime,defendidos por Salazar e Cunhal não eram assim tão diferentes como as vezes se quer pensar.
Um admirava Mussolini,o outro idolatrava Estaline.
Ambos defendiam a ditadura do partido único.
Um em nome da revolução o outro em nome da evolução.
Ambos defendiam ditaduras opressoras da liberdade e negavam a democracia parlamentar.
Um era adepto do governo das élites bem preparadas o outro da vanguarda revolucionária do partido.
Um criou o Tarrafal para os adversários,o outro achava a Sibéria uma boa escola de reeducação dos contra revolucionários.
Um inventou a Pide o outro defendeu o KGB.
Salazar apoiou os crimes franquistas,Cunhal louvou a invasão da Checoslováquia .
Um mergulhou o país numa guerra de treze anos em Africa,o outro apoiou os que a despoletarem e nunca contribuiu para uma solução pacifica.
Um apoiou regimes ditatoriais ,o outro deu aval ao golpe contra Gorbatchov.
Um permitiu a eliminação de opositores politicos,ao outro nem uma palavra se ouviu quanto á eliminação de dissidentes nos paises de Leste.
Pessoalmente ascéticos,cultivando o secretismo e defendendo ciosamente a vida privada,brilhantes nas suas áreas de especialidade,que herança deixaram ?
Um deixou um país pobre,culturalmente atrasado e politicamente num beco sem saida.
O outro legou um Partido perdido no tempo,com uma ideologia ultrapassada e sem qualquer perspectiva de futuro.
Tenho muita consideração por quem pense o contrário,mas Salazar e Cunhal não foram grandes portugueses.
Pelo menos na História.
Que é o que conta.
Depois Falamos

segunda-feira, abril 02, 2007

A cada um a sua...Ota


A questão da construção do novo aeroporto internacional de Lisboa,na Ota,transformou-se num tema central do debate politico em Portugal.
E bem !
Os custos previstos,a influência na politica de transportes,o impacto ambiental,a influência que vai ter no tráfego e gestão do aeroporto do Porto,entre outras questões,bem merecem que a volta do tema se debata com profundidade.
Fazendo por esquecer afirmações infelicissimas,como a do ministro Mario Lino considerando o novo aeroporto uma questão de honra pessoal (na gestão do Estado não podem existir questões pessoais),que em nada vem ajudar ao esclarecimento público da questão.
O PSD,principal partido da oposição,já anunciou a sua oposição á construção do novo aeroporto na Ota, propondo-se agora através de uma conferência a realizar no Hotel Tivoli,discutir a localização da infraestrutura.
Não vou agora discutir méritos ou timings dessa discussão.
Parece-me que uma conferência intitulada "O Novo Aeroporto de Lisboa: na Ota ou noutro local? " teria feito sentido muito mais cedo.
Mas mais vale tarde que nunca por isso...adiante.
O que hoje realço aqui é esta irresistivel tendência do partido para se acantonar em hoteis de 5 estrelas.
Conferências,colóquios,conselhos nacionais,assembleias distritais,sessões da revisão do programa do partido,hoteis de luxo é o que está a dar.
Não sei se alguém já parou para pensar na mensagem que este "gosto" transmite aos militantes e aos cidadãos em geral.
Não sei até se os estrategos do partido pensam encontrar nesses hoteis o eleitorado necessário a encurtar as distâncias para o PS e o Governo.
Sei,isso sim,que uma questão como esta devia ser discutida no terreno,em diálogo com os autarcas locais,ouvindo as associações ambientalistas e mostrando que o partido existe fora dos hoteis de luxo.
Levando a direcção do partido para o meio do povo e transmitindo uma oportuna sensação de proximidade ás estruturas distritais e concelhias do partido.
Foi assim que o PSD se fez grande.
Mas na actual direcção parece que preferem "Pensar em Grande"...
O problema estará mesmo no passar do pensamento á acção !
Felizmente ainda há no partido quem o saiba fazer.
Depois Falamos