terça-feira, abril 07, 2015

Jeremias e Ziad


A Rádio Fundação tem mais de 30 anos de serviço à região vimaranense desde o seu inicio de actividade, nos primeiros anos da década de 80 do século passado, ainda como "rádio pirata" instalada no sotão do C.A.R. na rua Francisco Agra.
Na sua programação o desporto teve sempre papel preponderante,quer nos relatos dos jogos do Vitória (e não só) quer em de programas de estúdio com debates e entrevistas, que deram à emissora uma imagem de marca nessa área.
Durante muitos anos nas noites de quinta feira ,e agora ás sextas, num espaço sempre apreciado e seguido por muitos vitorianos a RF tornou clássico esse programa de opinião e debate.
Na actualidade dirigido, e bem, por Carlos Ribeiro tem-se "especializado" na emissão regular de entrevistas com jogadores que marcaram épocas no Vitória e que estão hoje espalhados um pouco por todo o mundo.
No ultimo programa coube a vez a Jeremias e Ziad.
Dois grandes goleadores, dos melhores que vi jogar no clube, e que deixaram uma marca fortíssima em todos os vitorianos que tiveram o enorme privilégio de os ver actuar.
Ziad, agora com 51 anos, jogou no Vitória entre 1990 e 1995 antes de se transferir para o Japão e depois concluir a carreira no "seu" Esperança de Tunes.
Vinte anos depois de ter deixado Guimarães continua a falar fluentemente o português e mantém uma memória actualizada dobre o clube, a cidade, os colegas com quem jogou e os amigos que cá deixou.
E um enorme carinho pelo Vitória e por Guimarães, uma extrema gratidão por tudo que o clube lhe deu, e uma vontade de ao Vitória voltar um dia.
Curiosa a sua afirmação de que o seu sonho é ser presidente do Vitória e que hoje, empresário de sucesso, está disponível para investir no clube.
É sempre bom conhecer estas manifestações de vitorianismo vindas de quem por cá passou e décadas volvidas continua a ser um dos nossos.
Jeremias, agora com 65 anos, jogou apenas duas épocas no Vitória.
A primeira, em 1974/1975, foi a  que mais marcou os vitorianos quer pelo esplendor das exibições quer pelos 19 golos (18 no campeonato e um na taça) que marcou e que contribuíram para que pela primeira e única vez na história do futebol português o quinto classificado do campeonato fosse a equipa mais goleadora do mesmo.
Com grande ajuda ,diga-se em abono da justiça, de Tito que fez 17 golos.
E esse quinto lugar, que soube a muito pouco, foi marcado precisamente pela polémica em volta de sanções disciplinares injustificadas a Jeremias que esteve afastado da equipa, se não me falha a memória, sete jogos por essas razões.
Com relevo especial para uma ridícula expulsão em Espinho que lhe valeu cinco(!!!) jogos de castigo que trouxeram os vitorianos para a rua numa manifestação de protesto.
Foi também o ano em que Garrido nos roubou o quarto lugar, na ultima jornada face ao Boavista, o que lhe valeu o incêndio do carro.
Jeremias saiu do Vitória para três épocas de sucesso no Espanhol de Barcelona e regressaria em 1978/1979, já com menor fulgor, para uma temporada em que ainda assim fez 13 golos no campeonato.
E passados quarenta anos da sua chegada a Guimarães foi bom ouvi-lo falar do clube e da cidade com enorme carinho, recordar perfeitamente os colegas com quem cá jogou (e que grande equipa o Vitória tinha nessa época com Tito, Abreu,Rodrigues,Almiro,Rui Rodrigues ,Osvaldinho, Romeu, Pedrinho, Ramalho, Torres entre outros)e amigos que ainda hoje recorda com saudade.
Muito curiosa a forma como manifestou a sua convicção (que é também a minha) que nessa época de 1974/1975 se não fossem as arbitragens negativas o Vitória podia ter conseguido a sua melhor classificação de sempre.
Um programa excelente.
Estão de parabéns a Rádio Fundação e o Carlos Ribeiro por estes momentos de memória vitoriana que proporcionam aos seus ouvintes com  entrevistas que nos recordam grandes protagonistas do nosso passado e momentos inolvidáveis do Vitória.
E todos sabemos que não se constrói um futuro auspicioso sem o conhecimento e o respeito por um passado que nos honra.
Depois Falamos.

4 comentários:

Anónimo disse...

Caro Luís Cirilo,

Só para mencionar que as entrevistas podem ser ouvidas através dos seguintes endereços:

- Entrevista a Ziad: https://soundcloud.com/radio_fundacao/entrevista-ziad-contra-ataque-radio-fundacao ;

- Entrevista a Jeremias : https://soundcloud.com/radio_fundacao/entrevistas-jeremias-contra-ataque-radio-fundacao .

Um abraço,
José Miguel

luis cirilo disse...

Caro Miguel:
Muito obrigado.
É muito útil para quem quiser ouvir as entrevistas. Duram cerca de 15 minutos cada uma

Carlos Salazar disse...

Ia dizer que tinha muita pena de não ter ouvido as entrevistas, mas vejo agora que ainda é possível.
Ainda bem e obrigado pelas referências

luis cirilo disse...

Caro Carlos:
E valem bem a pena