quinta-feira, junho 09, 2016

Rumo a França (3)

O terceiro e ultimo jogo de preparação para o Euro 2016 proporcionou à selecção portuguesa um "happy end" muito útil em termos da moralização da equipa para os jogos a "doer" a partir da próxima terça feira.
Naturalmente que ao escolher a Estónia para este derradeiro apronto a ideia era precisamente permitir à equipa um jogo em que pudesse atacar de principio a fim, testar várias soluções ofensivas, experimentar o 4-3-3 em alternativa ao preferido (mal...) 4-4-2 e fazer golos.
E todos esses objectivos foram cumpridos com Portugal a realizar uma exibição muito interessante e a conseguir marcar sete golos algo de invulgar em jogos a nível de selecções.
Fernando Santos ensaiou um "onze" diferente dos anteriores, procurando ver mais jogadores e perceber o entrosamento entre eles sector a sector, mas dificilmente será exactamente esta equipa que iniciou o jogo com a Estónia a dar o pontapé de saída face à Islândia.
Digamos que certos estarão Rui Patrício, Pepe, Danilo, João Moutinho, Ronaldo e Quaresma.
Vieirinha, André Gomes e João Mário quase de certeza pelos que as duvidas estarão entre Raphael Guerreiro ou Eliseu e no central que acompanhará Pepe mas que penso será Ricardo Carvalho.
Seja como for estes três jogos trouxeram a Portugal uma excelente novidade.
Uma equipa que se pensaria ser Ronaldo mais dez será, afinal,Ronaldo e Quaresma mais nove!
Na realidade Ricardo Quaresma foi a grande estrela portuguesa nestes jogos de preparação marcando golos espectaculares, oferecendo assistências e pondo no relvado o vasto reportório de técnica e fantasia que caracterizaram os melhores momentos da sua carreira.
Aos 32 anos, e sabendo que é a sua ultima oportunidade de realizar um grande europeu, Quaresma decidiu agarrar a oportunidade com ambas as mãos e promete formar com Ronaldo uma dupla capaz de fazer Portugal sonhar.
O que é óptimo para ele, para Portugal e para ...Ronaldo que verá os adversários terem mais com quem seriamente se preocuparem o que resultará 
Agora venha a Islândia.
Portugal está pronto!
Depois Falamos.

P.S. O facto de a selecção ter viajado para França no Airbus da TAP chamado "Eusébio" prova que na FPF há agora atenção aos detalhes.
E como se sabe no futebol os detalhes contam e ás vezes fazem a diferença!

6 comentários:

De Guimarães disse...

Até para moraliza e testar soluções ofensivas o parceiro é demasiado fraquinho...
Os Nosso Bês dariam muito mais luta do que aquele restolho...

luis cirilo disse...

Caro De Guimarães:
O adversário era fraco é claro.
Mas alguns dos nossos maiores "amrgos de boca" tem sido precisamente com equipas consideradas fracas.
Basta lembrar o Mundial de 2002

Saganowski disse...

Caro Luís,
O adversário foi bom para o ego, mas foi mau em termos de testar a sério a nossa capacidade como equipa! Era como antigamente jogar com o Lichtenstein ou o Azerbaijão... eram goleadas garantidas, sem grande esforço!

Na passada terça feira, ao falar com um amigo estónio, comentei que Portugal ia jogar com a Estónia.
Para veres a relevância da equipa e a importância que os estónios lhe dão, basta ver a resposta dele: "Ah sim?..."

luis cirilo disse...

Caro Saganowski: Isso estava assumido. O objectivo era mesmo jogar com um adversário de terceira ou quarta linha para testar processos ofensivos e marcar golos

Joaquim Rodrigues disse...

Bom dia Sr Cirilo.

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=230673147317994&substory_index=0&id=151478225237487&__tn__=%2As

Os miudos dos sub 17 foram campeões em polo aquático ontem na nossa cidade. Ninguém da direcção do clube esteve presente no complexo de piscinas para os apoiar e felicitar. Como vitoriano e sócio digo que é lamentável. O nosso futuro passa pelas novas gerações em todas as modalidades.
Peço desculpa pelo off topic.

Joaquim Rodrigues

luis cirilo disse...

Caro Joaquim Rodrigues:
Foi um comentário off topic,é verdade, mas nem por isso deixo de estar totalmente de acordo consigo.
Qualquer atleta, qualquer equipa, qualquer modalidade do nosso clube merecem respeito por igual.
Mas há quem só esteja virado para o futebol.
É pena...